Museu prepara exposição sobre Maria de Lourdes Pintasilgo

A 27 de julho de 1985, Maria de Lourdes Pintasilgo (1930-2004) anunciava a sua candidatura à Presidência da República, tornando-se a primeira mulher em Portugal a fazê-lo.

Este momento é o ponto de partida de uma exposição que o Museu da Presidência da República se encontra a preparar e que irá evocar o seu legado enquanto mulher, cidadã e política.

Os anos enquanto aluna do Instituto Superior Técnico, o empenhamento em diversos movimentos católicos, a fundação do Graal, a participação nos três primeiros Governos Provisórios da Democracia, a liderança do V Governo Constitucional ou a longa relação com a ONU são marcos do seu percurso biográfico que iremos relembrar, não esquecendo o seu pensamento e as causas que abraçou.

Com o apoio de instituições como a Fundação Cuidar o Futuro ou o Centro de Documentação 25 de Abril (Universidade de Coimbra), entre outras, pretende-se, assim, dar testemunho de uma das mais marcantes e singulares figuras do século XX português.

Brevemente, no Palácio de Belém, em Lisboa. Fique atento!

Multimédia

Percorra a galeria carregando nas imagens para ampliá-las e ler as respetivas legendas.

Cartaz da candidatura de Maria de Lourdes Pintasilgo às eleições presidenciais.